acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bacia de Santos

Petroleira alemã DEA AG, sediada em Hamburgo, quer 50% nos blocos da Karoon na Bacia de Santos

04/08/2017 | 09h49
Petroleira alemã DEA AG, sediada em Hamburgo, quer 50% nos blocos da Karoon na Bacia de Santos
Divulgação Divulgação

Os cinco blocos, S-M-1037, S-M-1101, S-M-1102, S-M-1165 e S-M-1166 contêm as descobertas Echidna-1 (S-M-1102) e Kangaroo (BM-S-68).

Na descoberta do campo Echidna inclui uma instalação flutuante de produção, armazenamento e descarga (FPSO), dois poços de produção horizontais estendidos e um poço de injeção de gás.

Os blocos serão de propriedade conjunta da Karoon Gas e da DEA AG após a conclusão da transação, com a australiana Karoon atuando como operadora.

Detalhes do Edchina-1

O prospecto Echidna está localizado a aproximadamente 20 quilômetros a nordeste de Kangaroo, no flanco leste de um diápiro de sal, em uma estrutura geológica similar a da descoberta de petróleo de Kangaroo. O Echidna-1 apresentou interseção com uma coluna de petróleo bruto de 213 metros em reservatórios dos períodos paleoceno e maastrichtiano.



Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar